Falar sobre tudo e mais alguma coisa
Terça-feira, 23 de Fevereiro de 2010
a máquina de fazer espanhóis - valter hugo mãe

 

 

primeiro foi a expectativa, depois a ansiedade de começar, depois sentir que seria uma dádiva ler todas aquelas palavras, depois foi o não querer parar de ler e por fim uma pena por ter de acabar, por ter de deixar o sr silva e todos os outros dentro daquelas páginas  sem saber como irão terminar os restantes...

 

o último livro de valter hugo mãe, comprado e depois assinado por ele na apresentação do porto, é sem margem para dúvidas um dos melhores que li nos últimos tempos. escrito com mão talentosa e carinhosa, é um livro que fala de afectos, de perdas, de mudanças, da morte e da velhice, coisas que nos tocam a todos. a mim tocou-me muito e fez-me pensar. eu tenho ainda uma avó que mora num lar. O marido, meu avô, morreu há poucos meses e sei que ela agora se sente à deriva. conheço esse lar por dentro, conheço os funcionários, sei como sao tratadas as pessoas e vejo os velhinhos a chorar pela ausencia dos filhos, pelas saudades, pelas dores.... é algo que magoa, magoa profundamente quem consegue ser mais que um autómato nesta vida. um dia seremos nós. não duvidem.

 

haveria ainda mais a dizer, mas não quero correr o risco de me tornar repetitiva. por fim,  duas palavra apenas: obrigada valter. é o sufciente para dizer tudo o que vai na alma.

 

 

Sinopse

 

 


sinto-me: ....

publicado por magnolia às 10:47
link do post | favorito

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

...e mais ainda...
Cláudia Moreira

Cria o teu cartão de visita
Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Ideias recentes

Entrudo

Fábula

primavera

música, da boa.

poema simples

A invenção do Amor

we all do have some nost...

manhãs

poema simples

That 'cause sometimes I t...

breve história de uma árv...

O Humor dos outros.

2013 - os livros que li, ...

Feliz Ano Novo!

Porque os livros (também)...

2013 - os livros que li, ...

That 'cause I think of my...

Estes já têm lugar na min...

Quem se lembra?

2013 - os livros que li, ...

Ideias antigas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Março 2006

tags

todas as tags

links
Procuras alguma ideia em especial?
 
Ideias em pelicula
blogs SAPO
subscrever feeds