Falar sobre tudo e mais alguma coisa
Quinta-feira, 10 de Março de 2011
A escrita e eu

 

 

 imagem retirada da net

 

 

 

Tem certos dias em que acordo com a sensação de que a felicidade existe algures, perdida por aí, e está apenas à espera que eu a encontre e nestes dias também acredito que o mundo me pertence! É nestes dias que fico com coceira na ponta dos dedos e me apetece escrever tudo o que habitualmente deixo bem guardado na minha cabeça. É nestes dias que acredito que um dia alguém vai descobrir o meu imenso talento, publicar-me e vou ser, além de um sucesso de vendas, uma daquelas pessoas que depois de morrer toda a gente sabe quem foi, porque leu alguma coisa que lhe tocou no coração...

 

Depois tem os outros dias. Aqueles em que deixo o processador de texto fechado, os dedos quietos e nenhuma das palavras com as quais formo as ideias e que me passam pela mente me parece suficientemente boa para merecer sair cá para fora. Também é nestes dias que ando triste e penso que acabarei os meus dias longe das letras por não ser merecedora delas. Nesse futuro tenebroso, os livros ficarão apenas na estante e farão parte do passado e eu já não terei vontade de os ler porque me hão-de transcender...

 

Apetece-me sempre chorar. Apetece-me sempre chorar quando penso nisso.  E também me apetece chorar por perceber que jamais serei capaz de ler todos os livros que gostaria de ler, porque só tenho uma vida. É estranho este pensamento tão paradoxal. Por um lado tenho receio de acabar longe dos livros e por outro sofro por pensar que jamais terei tempo de ler todos os livros que valem a pena ser lidos. 

 

Depois os dias bons voltam. E depois fico feliz por ter tido a sorte de poder ter lido todos os livros que já li. Depois também fico feliz porque já conheci alguns escritores que admiro muito. Depois também fico feliz porque eu própria já pude ver o meu nome num livro (sendo ou não alguma coisa de jeito, note-se). Depois também fico feliz por ter nascido num tempo em que já todos sabemos ler e escrever e por ter acesso aos livros e por ter acesso a um lápis e a papel e a um computador que me dão acesso à escrita.  

 

Talvez o que precise mesmo é de escrever esta verdade em letras muito gordas, numa folha de papel gigante e colar a folha no tecto do meu quarto. Assim quando acordar será a primeira coisa que vejo!! Isto evitará de certezinha absoluta (passe a redundância) os dias maus. Am I right?


sinto-me: pensativa
tags: ,

publicado por magnolia às 13:54
link do post | favorito

De averse a 10 de Março de 2011 às 15:35
rightissimo!!!

e porque não publicar?
publica tu e não esperes por alguém, já pensaste nisso?
se calhar não é assim tão impossível, não penses em sucesso pensa em realização.


De magnolia a 10 de Março de 2011 às 15:48
ah, mas eu já tive a experiência da publicação. Mas uma edição de autor é uma coisa complicada e trabalhosa... além de cara...


De averse a 10 de Março de 2011 às 15:54
a dificuldade parece-me que reside na venda dos livros...
mas pronto , eu percebo de facto pouco
foi só mesmo ao perceber a vontade... pareceu-me realizavel

espero que hoje seja dia BOM



Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

...e mais ainda...
Cláudia Moreira

Cria o teu cartão de visita
Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Ideias recentes

Entrudo

Fábula

primavera

música, da boa.

poema simples

A invenção do Amor

we all do have some nost...

manhãs

poema simples

That 'cause sometimes I t...

breve história de uma árv...

O Humor dos outros.

2013 - os livros que li, ...

Feliz Ano Novo!

Porque os livros (também)...

2013 - os livros que li, ...

That 'cause I think of my...

Estes já têm lugar na min...

Quem se lembra?

2013 - os livros que li, ...

Ideias antigas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Março 2006

tags

todas as tags

links
Procuras alguma ideia em especial?
 
Ideias em pelicula
blogs SAPO
subscrever feeds