Falar sobre tudo e mais alguma coisa

Segunda-feira, 13 de Janeiro de 2014
poema simples

 

 

devolvi a gramática à estante.

depois,

em escassos segundos desenhei um poema.

poucas palavras embrulhadas em ternura.

sem ligar à geometria dos versos mandei-to entregar.

imaginei o teu sorriso franco e o meu peito ficou mais quente.

então nesse instante o mundo pareceu-me um lugar melhor.

 

cláudia moreira

 


tags: ,

publicado por magnolia às 13:20
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 2 de Janeiro de 2014
breve história de uma árvore de rua

 

 

fotografia retirada da net

 

é a última folha e solta-se do ramo mais alto que um dia a fez folha.

desde a última primavera que eram inseparáveis, ramo e folha.

agora, solta de sua mãe, desce, num voo sereno, bailando até ao chão atapetado de outras folhas, que depois o vento se há-de encarregar de levar para longe.

os pássaros,esses, já muito antes tinham partido, num frenesim de mil asas a voar para o sul.

e a árvore ficou.

porque é o destino das árvores ficar.

as raizes que a prendem ao chão e a fazem segura para lá viverem as folhas, os frutos, os pássaros, os bichos-de-conta, as aranhas e ainda muitos outros seres que fazem dela refúgio, tambem a prendem a um destino muito próprio.

o de ficar. o de ficar sempre no mesmo lugar.

olho-a longamente e imagino-a triste por estar presa ao chão e não poder viajar como os pássaros e as folhas, correr mundo.

por não poder fugir para onde não há chuva nem frio, assim como os pássaros que ali passaram o verão.

fico ali à janela, porque a chuva me prende em casa.

olho a árvore muito tempo, tanto tempo que a chuva passou e depois voltou e o dia entardeceu.

afinal a árvore não está triste.

a árvore não está triste.

é uma certeza que tenho de repente. uma epifania se calhar.

a árvore tem uma função precisa e rigorosa.

está só à espera da próxima primavera para abrigar novas folhas e frutos.

e pássaros que farão novamente um terrivel chinfrim ali na rua.

e ainda os cães e gatos e os velhinhos parados na sua sombra.

até lá.

até lá eu vejo os seus braços de madeira erguidos no ar, balançando-se suavemente, devagarinho, numa dança só sua, feliz, tranquila, sentido a agua da chuva escorrendo pela sua pele rugosa, saboreando com prazer a frescura das manhãs, descansando no silêncio que habita ali agora.

afinal a árvore está feliz.

nenhuma impaciência, nenhuma solidão atormenta a sua alma de árvore.

ela sabe com precisão qual é a sua missão no mundo.

isso basta.

 

cláudia moreira

 



publicado por magnolia às 23:23
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Segunda-feira, 30 de Maio de 2011
Momento feliz!

 

 

 

e nem preciso dizer porquê ... :)


tags: ,

publicado por magnolia às 11:35
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

Quinta-feira, 26 de Maio de 2011
8 meses

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

= -19  kgs

 

 

{#emotions_dlg.sarcastic}

 

 

 


 


tags:

publicado por magnolia às 15:37
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|

Quinta-feira, 10 de Março de 2011
A escrita e eu

 

 

 imagem retirada da net

 

 

 

Tem certos dias em que acordo com a sensação de que a felicidade existe algures, perdida por aí, e está apenas à espera que eu a encontre e nestes dias também acredito que o mundo me pertence! É nestes dias que fico com coceira na ponta dos dedos e me apetece escrever tudo o que habitualmente deixo bem guardado na minha cabeça. É nestes dias que acredito que um dia alguém vai descobrir o meu imenso talento, publicar-me e vou ser, além de um sucesso de vendas, uma daquelas pessoas que depois de morrer toda a gente sabe quem foi, porque leu alguma coisa que lhe tocou no coração...

 

Depois tem os outros dias. Aqueles em que deixo o processador de texto fechado, os dedos quietos e nenhuma das palavras com as quais formo as ideias e que me passam pela mente me parece suficientemente boa para merecer sair cá para fora. Também é nestes dias que ando triste e penso que acabarei os meus dias longe das letras por não ser merecedora delas. Nesse futuro tenebroso, os livros ficarão apenas na estante e farão parte do passado e eu já não terei vontade de os ler porque me hão-de transcender...

 

Apetece-me sempre chorar. Apetece-me sempre chorar quando penso nisso.  E também me apetece chorar por perceber que jamais serei capaz de ler todos os livros que gostaria de ler, porque só tenho uma vida. É estranho este pensamento tão paradoxal. Por um lado tenho receio de acabar longe dos livros e por outro sofro por pensar que jamais terei tempo de ler todos os livros que valem a pena ser lidos. 

 

Depois os dias bons voltam. E depois fico feliz por ter tido a sorte de poder ter lido todos os livros que já li. Depois também fico feliz porque já conheci alguns escritores que admiro muito. Depois também fico feliz porque eu própria já pude ver o meu nome num livro (sendo ou não alguma coisa de jeito, note-se). Depois também fico feliz por ter nascido num tempo em que já todos sabemos ler e escrever e por ter acesso aos livros e por ter acesso a um lápis e a papel e a um computador que me dão acesso à escrita.  

 

Talvez o que precise mesmo é de escrever esta verdade em letras muito gordas, numa folha de papel gigante e colar a folha no tecto do meu quarto. Assim quando acordar será a primeira coisa que vejo!! Isto evitará de certezinha absoluta (passe a redundância) os dias maus. Am I right?


sinto-me: pensativa
tags: ,

publicado por magnolia às 13:54
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Quinta-feira, 4 de Novembro de 2010
Sad Violin


sinto-me: :(
tags: ,

publicado por magnolia às 23:03
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 28 de Outubro de 2010
Memórias registadas em papel!

 

Eu era muita gira e fashion ou quê??????

 

 

(a minha mãe garante que eu era a mais gira das redondezas)


sinto-me: :P

publicado por magnolia às 12:01
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
|

Sábado, 13 de Março de 2010
De carne e osso

imagem retirada da net

 

 

 

 

Há muito tempo que não escrevo como gosto por aqui....falta de tempo, mas sobretudo falta de vontade de contar que me sinto em baixo. Não me apetece que os meus leitores (pouquinhos, mas bons!) se cansem de mim pelo teor negativo da minha escrita.... No entanto, hoje, preciso de uma palavra amiga. Sinto-me triste e cansada. Não sei por quanto tempo mais vou ser capaz de fazer de conta que sou a super-mulher. É apenas uma máscara. Por dentro sou de carne e osso e sofro.

 


sinto-me: :(
tags:

publicado por magnolia às 00:15
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

Sábado, 3 de Outubro de 2009
36

 

 

 

 


sinto-me: mais cota :)

publicado por magnolia às 08:33
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
|

Segunda-feira, 20 de Abril de 2009
Sobre o post anterior...

...não sei se repararam mas....o meu nome é o único que não tem um Dr atrás!!! Estou em desvantagem numérica... ai, ai...


sinto-me: aterrada

publicado por magnolia às 17:51
link do post | comentar | ver comentários (20) | favorito
|

...e mais ainda...
Cláudia Moreira

Cria o teu cartão de visita
Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Ideias recentes

poema simples

breve história de uma árv...

Momento feliz!

8 meses

A escrita e eu

Sad Violin

Memórias registadas em pa...

De carne e osso

36

Sobre o post anterior...

Tertúlia "O Livro"

Foto reportagem [apeteceu...

E este....

Quem sou eu?

Ideias antigas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Março 2006

tags

todas as tags

links

Uploaded with ImageShack.us
A minha obra:-)
Image Hosted by ImageShack.us
By magicmagnolia
Statistic
Procuras alguma ideia em especial?
 
Quantos andarão por aqui?
web counter
Pub
Ideias em pelicula
Que horas são?


blogs SAPO
subscrever feeds