Falar sobre tudo e mais alguma coisa
Terça-feira, 31 de Dezembro de 2013
Feliz Ano Novo!

Bem-vindo 2014!!

 

 


tags:

publicado por magnolia às 14:25
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 30 de Dezembro de 2013
Porque os livros (também) me oferecem música...

 

Porque os livros são tão cheios de tudo e (se) me dão tanto e tantas coisas. Além das histórias que cabem lá dentro, também me dão os lugares, as gentes e a música.

 

Este livro, lido nos idos de 2000 e pouco mostrou-me a música que se segue e que nunca esqueci.

 

 

 

 

 

 



publicado por magnolia às 13:36
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 28 de Dezembro de 2013
2013 - os livros que li, os filmes que vi e ainda outras coisas que vivi

A Arte de matar Dragões

 

 

 

Li este livro rapidamente. Leio livros rapidamente quando são muito fáceis ou quando gosto muito. Este gostei muito. Não é fácil misturar o género História, o policial e o romance numa mesma história mas Ignacio del Valle faz isso muito bem. 

 

Eu gosto muito de História. Já na escola era das minhas aulas preferidas. Não me admira, portanto, que um dos meus estilos preferidos sem os romances históricos.

 

Aqui fala-se do regime pós guerra civil de Espanha.

 

Recomendo.

 

 

 

Sinopse da Porto Editora
A Arte de Matar Dragões não é apenas um romance de mistério sobre traficantes de arte e ajustes de contas na Espanha do pós-guerra. É também a história de um amor impossível, e um relato iniciático onde o quadro de um anónimo pintor italiano parece ocultar um segredo que se sobrepõe à razão e à história, preservando o espírito da cavalaria medieval através dos séculos num país dominado pela crueldade e pelo ódio.

Pouco depois do fim da guerra civil, os serviços secretos do Alto Estado-Maior franquista recebem a missão de localizar A Arte de Matar Dragões, um quadro desaparecido durante a transferência do espólio do Museu do Prado para o estrangeiro ordenada pelos republicanos. A ordem vem do próprio Serrano Suñer, cunhado do ditador, e caberá a Arturo ¿ um agente de passado obscuro e duvidosas convicções políticas ¿ investigar o desconcertante périplo da obra.

A Arte de Matar Dragões foi galardoado com o Prémio Felipe Trigo de Novela, revelando o seu autor, Ignacio del Valle, como uma das vozes mais originais e marcantes da narrativa espanhola recente.

Este é o segundo romance do autor a ser traduzido para a língua portuguesa. O primeiro foi O Tempo dos Imperadores Estranhos (Porto Editora, 2008), distinguido com o Premio de la Crítica de Asturias, o Premio Libro con Huella e a menção especial do Premio Dashiell Hammett.

Já na 2ª edição.


publicado por magnolia às 09:33
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Sexta-feira, 27 de Dezembro de 2013
That 'cause I think of myself as a huge fan of good music! -


publicado por magnolia às 12:11
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Quinta-feira, 26 de Dezembro de 2013
Estes já têm lugar na minha estante!

 

Índice Médio da felicidade - David Machado

 

 

 

A desumanização - Valter Hugo Mae

 

 

 

O Jardim Secreto - Frances Hodgson Burnett

 


tags:

publicado por magnolia às 13:20
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 19 de Dezembro de 2013
Quem se lembra?


publicado por magnolia às 13:17
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Quarta-feira, 11 de Dezembro de 2013
2013 - os livros que li, os filmes que vi e ainda outras coisas que vivi

E viveram felizes para sempre...?

 um filme de Agnès Jaoiu

 



publicado por magnolia às 13:47
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 10 de Dezembro de 2013
2013 - os livros que li, os filmes que vi e ainda outras coisas que vivi

Dentro do Segredo - José Luis Peixoto

 

 

Há algo de muito especial na escrita de José Luis Peixoto. Ponto.

Há algo de simples e complexo que não se defini em palavras. Ponto.

 

Agora sobre este livro: não sendo um romance, é como se fosse. É um diário de uma viagem, em que o JLP nos fala das coisas que viu, mas a forma tão simples como as descreve e como acrescenta as histórias pessoais, os telefonemas a casa, os medos e as alegrias, acaba por transformar este livro numa história muito bela, fazendo com que embarquemos com ele no avião, e sigamos rumo à Coreia do Norte com ele, vivendo tudo o que ele viveu, sentindo tudo o que ele sentiu. 

Confesso que enquanto fui lendo o livro fui sentido que estava lá, que via o que ele estava a ver, cheirava o que ele estava a cheirar e até que sentia o paladar do que ele estava a comer.

 

É por isso, por todas estas coisas que ele consegue transmitir tão bem que eu sou fã incondicional da obra dele e recomendo a leitura de todos os seus livros, do primeiro ao último!

 

 

Sinopse da Wook
Desde o interior da ditadura mais repressiva do mundo, desde um país coberto por absoluto isolamento, Dentro do Segredo. Em abril de 2012, José Luís Peixoto foi um espectador privilegiado nas exuberantes comemorações do centenário do nascimento de Kim Il-sung, em Pyongyang, na Coreia do Norte. 

Também nessa ocasião, participou na viagem mais extensa e longa que o governo norte-coreano autorizou nos últimos anos, tendo passado por todos os pontos simbólicos do país e do regime, mas também por algumas cidades e lugares que não recebiam visitantes estrangeiros há mais de sessenta anos. 

A surpreendente estreia de José Luís Peixoto na literatura de viagens leva-nos através de um olhar inédito e fascinante ao quotidiano da sociedade mais fechada do mundo. Repleto de episódios memoráveis, num tom pessoal que chega a transcender o próprio género, Dentro do Segredo é um relato sobre o outro que, ao mesmo tempo, inevitavelmente, revela muito sobre nós próprios.


publicado por magnolia às 13:28
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Segunda-feira, 9 de Dezembro de 2013
That 'cause I think of myself as a huge fan of good music! -
Woodkid - I love you


É maravilhoso!




publicado por magnolia às 22:55
link do post | comentar | favorito
|

2013 - os livros que li, os filmes que vi e ainda outras coisas que vivi

No coração desta terra

 

 

 

"No coração desta terra" não é de todo um livro fácil, mas é um livro que se lê de uma vez só. É intenso, é vivo, é negro e é denso. É uma história estranha e inquietante, onde vive uma personagem ainda mais estranha e inquietante que tão depressa nos faz ter pena dela como de seguida nos faz querer que vá para bem longe.

Recomendo esta obra de J.M.Coetzee, pémio Nobel da Literatura, mas só a espíritos fortes!  

 

Publico de seguida a sinopse da Wook.

 

 

Sinopse
Numa fazenda remota da África do Sul, a protagonista deste romance duro e apaixonado, lança um olhar sobre a vida de onde ela foi excluída. Ignorada por um pai duro, desprezada e temida pelos criados, é uma mulher amarga e inteligente cuja docilidade aparente esconde uma vontade desesperada de não se tornar «um dos esquecidos da história». Quando o pai arranja uma amante africana, essa vontade vai precipitar uma vingança que lembra uma reacção química entre o colonizador e o colonizado - e entre os anseios europeus e a vastidão e solidão de África. Uma história contada numa prosa tão febril e rica quanto a de William Faulkner, No Coração Desta Terra é uma obra de uma força irresistível. J. M. Coetzee transformou, com uma enorme segurança e uma visão penetrante, o romance de uma família num espelho da experiência colonial.


publicado por magnolia às 12:15
link do post | comentar | favorito
|

...e mais ainda...
Cláudia Moreira

Cria o teu cartão de visita
Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Ideias recentes

Entrudo

Fábula

primavera

música, da boa.

poema simples

A invenção do Amor

we all do have some nost...

manhãs

poema simples

That 'cause sometimes I t...

breve história de uma árv...

O Humor dos outros.

2013 - os livros que li, ...

Feliz Ano Novo!

Porque os livros (também)...

2013 - os livros que li, ...

That 'cause I think of my...

Estes já têm lugar na min...

Quem se lembra?

2013 - os livros que li, ...

Ideias antigas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Março 2006

tags

todas as tags

links

Uploaded with ImageShack.us
A minha obra:-)
Image Hosted by ImageShack.us
By magicmagnolia
Statistic
Procuras alguma ideia em especial?
 
Quantos andarão por aqui?
web counter
Pub
Ideias em pelicula
Que horas são?


blogs SAPO
subscrever feeds