Falar sobre tudo e mais alguma coisa
Sábado, 28 de Junho de 2008
Ele passou e eu estou tão contente!

Imagem retirada da net

 

Só queria partilhar com os meus amigos que o André passou de ano e estou muito contente!! Estamos muito contentes, eu e ele!

 

Obrigada por todo o vosso apoio!

 

Bom fim-de-semana!

 

 

Beijinhos!!

 


sinto-me: mais leve

publicado por magnolia às 11:50
link do post | comentar | ver comentários (31) | favorito
|

Quinta-feira, 26 de Junho de 2008
Pensamentos

 imagem retirada da net

Tem dias que não penso muito nisso. Tem outros que sim. Penso no dia que me casei, cheia de sonhos, cheia de planos. Penso que já nesse dia devia saber que não daria certo. Como um aviso ou premonição as lágrimas correram-me dia e noite nos dias que antecederam o casamento. No próprio dia não me apetecia acordar ao contrario de todas as noivas que já conheci. Queria ficar ali mais um pouco no aconchego dos lençóis. E no entanto, eu queria tanto, mas tanto aquele dia, casar com o homem que amava, passar a estar com ele dia e noite sem precisar de fugir de ninguém.

Casei por amor. Apenas por amor, com 19 anos e uma mala cheia de sonhos. Mudamo-nos para a casa nova apenas com a roupa do corpo, um colchão e uma vontade enorme de sermos felizes. E fomos, alguns dias, depressa a realidade se a abateu sobre nós, sobre mim. Creio que ele nunca pensou nas coisas da mesma forma que eu. E não podia, porque nesta equipa eu era o elo mais fraco. De forma que era mesmo impossível ele sentir as coisas como eu as sentia. Gostava tanto dele, mas tanto. Estava cega de amor. Era o meu sol, o centro das minhas atenções. E foi assim durante muito tempo, tanto que já nem me lembro. Vivia como uma prisioneira na minha própria vida, no meu próprio casamento, nos meus próprios sentimentos, no amor enorme que lhe devotava. Mesmo depois, quando vieram os filhos, era a mesma coisa. Eu amava tanto, queria tanto que resultasse, mas não, não resultava e era infeliz. Lembro-me de tantas, tantas vezes que chorei e de tão poucas que fui feliz. E não, não é um exagero, uma forma de dramatizar a história. Entre ciúmes e a falta de dinheiro, entre a falta de atenção e a falta  de estabilidade, a minha vida era um caos. E eu não conseguia, e na verdade durante algum tempo nem queria fugir desse caos.

Um dia por qualquer motivo oculto apercebi-me que não era aquela vida que queria. Não me lembro desse dia, lembro-me apenas que um dia a certeza de que não era aquilo que queria chegou e tudo ficou claro. Desde esse dia  que tive a certeza que o caminho seria traçado por mim, doesse a quem doesse. E doeu, e muito, e a muita gente. Mas teve que ser.

Fiz de conta que era forte e comecei a traçar um caminho. Nem sempre consegui caminhar exactamente por esse caminho, mas tentei ser fiel a mim. Tentei ser feliz, tentei fazer os meus filhos felizes. Olhei mais longe, mais longe que a linha do horizonte e percebi que as vezes é preciso caminhar sobre espinhos até poder caminhar sobre rosas.

Há dias que não penso nisso, mas há outros que penso e muito, porque foram muitos anos da minha vida que  não me lembro de viver. Lembro-me apenas de funcionar, de respirar, de comer, de trabalhar, de ser esposa, de ser mãe, mas não me lembro de ser pessoa.

 

Magnolia

 

 

 

 


sinto-me: Pensativa na noite

publicado por magnolia às 22:37
link do post | comentar | ver comentários (24) | favorito
|

Fortaleza Digital - Dan Brown

Acabei agora este livro, Fortaleza Digital, o quarto que li de Dan Brown. A minha opinião pessoal é que apesar do livro estar bem escrito e do enredo estar bem construido é mais do mesmo. Não há duvidas que o poder criativo de D.B. é enorme, mas é demasiado rebuscado para o meu gosto. E as histórias são sempre passadas em situaçoes onde o poder e o dinheiro são bem visiveis.

Seja como for, gostei de o ter lido, pelo menos nesta história tudo acaba em bem.

 

Sinopse

 

Ensei Tankado, um ex-funcionário da Agência de Segurança Nacional (NSA) que jura vingar-se dos Estados Unidos, desenvolve um algoritmo de encriptação inquebrável, algo considerado impossível, que caso seja publicamente utilizado inutilizará o computador superpotente da NSA, Transltr, na decodificação de mensagens. A este algoritmo dá o nome de Fortaleza Digital.

Tankado conta com a ajuda de North Dakota, pessoa responsável por tornar o Fortaleza Digital público caso Tankado morra sem cumprir seu objectivo. Tankado sofre uma morte misteriosa, supostamente causada por um ataque cardiaco. Antes de morrer, Tankado tenta chamar a atenção das muitas pessoas que passavam ao seu redor numa praça publica da Espanha para o anel que trazia na sua mão esquerda, anel esse que teria gravado o código de desencriptação do Fortaleza Digital.

Trevor Strathmore, vice-director da NSA, convida David Becker para ir a Espanha em busca do anel e juntamente com a criptóloga Susan Fletcher, noiva de Becker, tenta evitar a disseminação do Fortaleza Digital. Sem saber em quem confiar, Susan e David, separados, tentam encontrar a solução para evitar o que poderia ser o maior desastre da História da Segurança de Informações norte-americana.

 

Wikipédia

 



publicado por magnolia às 09:40
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
|

Quarta-feira, 25 de Junho de 2008
Mimos...

 

 

Eu adoro mimos:-) Pronto, eu confesso, adoro mimos...:o))

 

E este foi a minha amiga Mariana que mo deu! Obrigada Amiga!!

 

Um monte de beijinhos e um Xi-


sinto-me: mimada
tags: ,

publicado por magnolia às 10:49
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Terça-feira, 24 de Junho de 2008
Diz assim...

imagem retirada da net

 

 

 

...o meu filho, aficionado das novas tecnologias ( pc, ps2, tlm, mp3, e outras siglas), depois de o ter mandado sair do pc pela 50ª vez:

 

- Mãe, não percebo, o que é que vocês faziam quando não havia pc????

 

 

E pronto, o meu filho não faz ideia do quanto era bom brincar na rua livremente, fazer bolinhos de lama, inventar batalhas entre índios, construir cabanas nos pinhais, ajudar a fazer doce de tomate, ficar a ouvir o fogo crepitar nas longas noites de inverno, ler horas a fio, correr pelos campos repletos de pampilhos, jogar as escondidas no milho alto ou tomar banho em dias de calor insuportável nos sistemas de rega....


sinto-me: velha

publicado por magnolia às 23:37
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|

Sábado, 21 de Junho de 2008
Dicas precisam-se!

*

 

No dia 6 de Julho a minha filha vai fazer a primeira comunhão e eu vou fazer um almoço para a família mais próxima. Mas a minha casa é pequena para tanta gente e preciso de fazer um almoço volante...

Preciso de dicas para comida que possa ser feita no dia anterior ou antes da missa. Preciso de receitas para entradas, almoço propriamente dito e sobremesas!!

 

Ah! Um pequeno grande pormenor: ECONÓMICAS!!!

 

E pronto, se alguém me puder dar umas dicas, eu agradeço:) Eu já pensei numas coisitas, mas preciso de mais, são vinte e tal pessoas...

 

Obrigada!!

 

Beijinhos, bom fim-de-semana e até segunda que vou trabalhar agora e amanha também no part-time...(lá é que era, para fazer a festa..mas a 80 euros por pessoa..não é agua para o meu bico)

 

* retirada da net


sinto-me: sem ideias

publicado por magnolia às 15:31
link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito
|

Sexta-feira, 20 de Junho de 2008
Eu já votei!

 

 

Eu já votei!!

 

Votem tambem neste selo para ajudar a Associação Artémis. Precisam de ficar nos 5 primeiros lugares para passar à fase seguinte.

 

Vejam tudo aqui.

 

 

 


tags:

publicado por magnolia às 14:25
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Mãe sofre!!

*

Hoje é o último dia de aulas, aliás já nem sequer há aulas. Apenas convívio entre alunos e professores. A Ana ao meio-dia já vem embora e o André foi para a praia com os amigos.

Agora estou preocupada com ele. Bem lhe pedi que fosse para uma praia vigiada, que saísse à hora do almoço, que não fosse para a água depois de comer. Perguntei com quem ia. Resposta dele a cada conselho meu:

- Ta bem…

- Ta bem…

- Ta bem…

Sempre acompanhado por um revirar de olhos!!!!

Ok, tem 14 anos, mas ainda não é um homem, mas também já não é uma criança. Mas já tem a mania que é muito crescido e independente…

Que posso eu fazer para os impedir de ganhar asas e voar?

Mãe sofre….

 

 

 


sinto-me: mae galinha

publicado por magnolia às 10:41
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
|

Quarta-feira, 18 de Junho de 2008
Incógnita

Agora que o momento da verdade se aproxima, sinto-me cada minuto que passa mais ansiosa.

A escola termina dia 20 e já não há mais nada a fazer em relação ao aproveitamento do André. Este ano foi muitíssimo complicado. E eu tenho a sensação, quase certeza de que vai reprovar…uma parte por culpa dele outra parte por culpa da natureza. No primeiro período ele esteve em casa quase dois meses com a doença de Osgood Slaughter, que é uma doença de crescimento mais comum nos rapazes, que afecta os joelhos e provoca dores que dificultam os movimentos. Ou seja, ele perdeu bastante tempo nessa altura. Mas depois disso, fui à escola e falei com a DT e ela achou que ainda nada estava perdido e que se ele se esforçasse um pouco passava sem problemas. Bem, o certo é que tirou negativas no primeiro período e no segundo não recuperou todas. Matemática é uma desgraça, ele não gosta. Até o pus na explicação e embora tenha melhorado e até tenha conseguido 84% no teste intermédio nota-se que há muito ainda para aprender. Quanto ao resto…não gosta de história, não gosta de francês, não gosta de estudar…ele é um miúdo inteligente, bastante até, mas não gosta de estudar, não gosta de passar algum tempo em frente aos livros a perceber a matéria. O 8º ano também não é dos mais fáceis, nem os 14 anos são os mais fáceis na vida de alguém.

Enfim….é uma autentica incógnita neste momento saber se ele passa de ano ou não. Eu estou numa ansiedade terrível, já me vejo a gastar mais 200 euros em livros, mais não sei quanto em material escolar, mais um ano inteiro a dar-lhe dinheiro todas as semanas…um ano inteiro perdido em tempo e dinheiro. E acima de tudo, um ano inteiro de atraso para ele, para a vida dele. Se for para a faculdade, será um ano mais tarde, se for trabalhar será um ano mais tarde. Vai passar um ano inteiro a ouvir as mesmas coisas. Os colegas que o acompanham desde a primária vão seguir em frente, vão separar-se…

Enfim…eu bem queria não pensar nisto…mas é tão difícil…

 

 


sinto-me: sem saber o que pensar

publicado por magnolia às 11:13
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|

Terça-feira, 17 de Junho de 2008
Há dias assim...

*

Há dias assim…

 

Há dias em que tenho que reunir todas as minhas forças para evitar sucumbir….há dias que acordo de manha e me forço a levantar, mexer os braços, as pernas… há dias em que conto cada minuto que passa até perfazer as nove horas de trabalho diário…há dias em que ao fim do dia só me apetece fechar os olhos, tapar os ouvidos, perder-me do mundo…há dias em que me apetecia baixar os braços e desistir…há dias em que parece que já vivi tanto e não vivi nada….

Há dias assim…complicados.

Estou muito cansada, e até tenho evitado escrever sobre isso, porque me sinto muito repetitiva. Estou cansada fisicamente, o trabalho tem sido muito, hoje acordei com uma pontada nas costas que teima em não passar. Os pés doem-me continuamente, de uma semana para a outra não dá tempo para melhorar. Tem dias que me sinto a andar em câmara lenta de tanto que me sinto cansada. E estou cansada psicologicamente. O tempo passa, os cabelos brancos confirmam-no, mas não o vejo. Dias, horas, minutos passam céleres e a minha vida não anda para a frente. Não saio do ponto de partida. O meu casamento acabou depois de 12 anos a lutar por ele. Estou muito desgostada com o meu emprego depois de já cá estar há 14 anos a suar a camisola. Continuo a não ter um tostão meu depois de trabalhar desde os meus 15 anos, já lá vão 19 anos de trabalho. Trabalho um mês inteiro de sol a sol e mesmo assim tenho que contar os trocos para ir ao supermercado.

Tenho a minha força motriz. Os meus filhos. São eles que me fazem andar, sem margem nenhuma para dúvidas. Por eles caio e levanto, caio e levanto, as vezes que forem necessárias. Para que tenham uma vida melhor que a minha, para que tenham uma infância melhor que a minha, para que sejam felizes.

Estou muito cansada…

Nem sei bem porque escrevo estas coisas…sei que não sou a única e as queixas não fazem mudar a minha vida em nada….sei só que estou muito cansada...

Há dias assim….

 

Magnólia

imagem retirada da net*

 


sinto-me: cansada

publicado por magnolia às 12:24
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

...e mais ainda...
Cláudia Moreira

Cria o teu cartão de visita
Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Ideias recentes

Entrudo

Fábula

primavera

música, da boa.

poema simples

A invenção do Amor

we all do have some nost...

manhãs

poema simples

That 'cause sometimes I t...

breve história de uma árv...

O Humor dos outros.

2013 - os livros que li, ...

Feliz Ano Novo!

Porque os livros (também)...

2013 - os livros que li, ...

That 'cause I think of my...

Estes já têm lugar na min...

Quem se lembra?

2013 - os livros que li, ...

Ideias antigas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Março 2006

tags

todas as tags

links

Uploaded with ImageShack.us
A minha obra:-)
Image Hosted by ImageShack.us
By magicmagnolia
Statistic
Procuras alguma ideia em especial?
 
Quantos andarão por aqui?
web counter
Pub
Ideias em pelicula
Que horas são?


blogs SAPO
subscrever feeds