Falar sobre tudo e mais alguma coisa
Sábado, 29 de Março de 2008
Foi naquele banco de jardim...

 


 


                                           


                                           Foto de Rita Moreira 


(http://olhares.aeiou.pt/utilizadores/detalhes.php?id=37230)





Estava sentada a beira-rio


Num fim de tarde de Setembro


Estava sol mas eu tinha frio


Já nem sei porquê, já não me lembro


 


Uma lágrima corria teimosa


Pela minha cara entristecida


Estava triste e ansiosa


Sentia-me fraca e envelhecida


 


Meu coração estava tão vazio


Não era por ninguém amada


Por isso sentia sempre frio


Dentro da minha alma cansada


 


Estava eu assim sentada


Num velho banco de jardim


Sentindo-me abandonada


Mas conformada por fim


 


Quando o vi pela primeira vez


Nos olhos um sorriso, um apelo


Belo, elegante, cheio de altivez


Azul nos olhos e negro no cabelo


 


Chegou assim de mansinho


Com um sorriso aberto imenso


Sentou-se assim com jeitinho


E o seu olhar no meu, intenso


 


Sentou-se assim ao pé de mim


Pegou na minha mão com jeito


E eu fiquei quieta assim


Com o coração a saltar do peito


 


Acho que por fim te encontrei


Grande Amor da minha vida


Sei que te amo, porquê, não sei


Agora já não me sinto perdida


 


Não falaste, bastou p’ra ti olhar


Para te ficar assim rendida


Só queria para sempre ficar


Em teus doces braços perdida


 


E foi numa tarde bela assim


Sem que eu pudesse imaginar


Que naquele banco de jardim


Meu grande amor me iria amar




Magnolia


28-03-2008



A foto pertence à minha mana Rita Moreira


 


 


 



publicado por magnolia às 10:25
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Sexta-feira, 28 de Março de 2008
Sonhos para dormir...

(imagem retirada da net)

As vezes à noite deito a cabeça na almofada e não consigo dormir. Tenho a cabeça cheia de mil e uma coisas. Problemas, aborrecimentos, contas que não sei como pagar. Ando as voltas com tantos problemas que o sono não vem. Deito-me e levanto-me. Vejo televisão. Pego num livro. Como iogurtes. Faço um chá. Nada resulta. É nesta altura que sou obrigada a ligar o interruptor que acciona a imaginação e me transporta para outro mundo e assim consigo dar descanso aos neurónios maltratados.

Sou eu, mas vejo-me ao longe. Estou na biblioteca nos meio das prateleiras onde se pode encontrar literatura chilena. Vejo-me de cabeça inclinada lendo os títulos dos livros. Esta calor e tiro o casaco. Sei que tem muita gente a minha volta, mas pareço não dar por isso. Procuro um livro específico, chama-se o Carteiro de Pablo Neruda. Estou tão absorvida que não vejo que um homem na casa dos trinta se aproxima de mim.

- Procura algo em especial?

Olho-o como se tivesse acordado de um sonho – sim, procuro o Mário…

Então, aquele homem de cabelos negros rebeldes e olhos azuis sorri para mim, um sorriso aberto como vi poucos na vida e diz:

- Eu sou o Mário…

Vejo um sorriso no meu rosto também.

-Refiro-me ao Mário Ruopollo do Carteiro de Pablo Neruda…

-Eu sabia…mas como também sou Mário resolvi brincar…não levou a mal pois não?

Como poderia eu levar a mal uma brincadeira tão inocente e ainda por cima vinda de um homem tão belo como aquele?

-Não levei a mal, fique descansado…e você? O que anda a procura?

-Ando a procura da minha doce Beatrice…mas não a encontro…já a procuro há muitos anos e parece que vai ser difícil encontra-la…já não sei se acredito nas almas gémeas…

-Eu também procuro a minha… – digo eu corada ate a raiz dos cabelos.

Ele olha-me profundamente nos olhos, e sinto-me despida.

-Aceita tomar um café comigo um dia destes?

 

É aqui que finalmente adormeço e dali a pouco o despertador toca. Eu ainda cansada a desejar que faltassem muitas horas para acordar, lembro-me do Mário e digo a mim mesma: Cláudia Sofia, afinal tens 34 ou tens 14 anos???

 

Magnolia


sinto-me: nem sei

publicado por magnolia às 12:25
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|

Quinta-feira, 27 de Março de 2008
Magnólia

Há já alguns dias que andava triste. Uma das minhas maiores dificuldades é fazer amigos e um dia destes, tal como se fosse o mundo a dizer-me "eu bem te disse que nao eras interessante", levei com um balde de agua fria na cabeça... A conselho tentei ser mais sociavel, enviei mensagens, tentei chegar as pessoas e o que recebo em retorno? Nada...:-( Fiquei muitissimo triste....

...e é entao que depois de dias assim tristonha , um dos meus amigos que embora de longa data no cyber-espaço e more a 350 kms de distancia e  só me tenha visto 3 ou 4 vezes,  me diz:

-Plantei uma Magnólia no quintal, assim vais estar sempre perto de mim...

 (imagem retirada da net)


sinto-me: Esperançada

publicado por magnolia às 10:22
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

Terça-feira, 25 de Março de 2008
O meu amigo, o mar...
imagem retirada da net
Quando estou muito triste vou pedir ajudar ao meu amigo. Meu amigo, meu companheiro, meu conselheiro, meu amparo. Não sei que seria de mim sem ele. Ele que me ampara nos dias que me sinto engolida pelo abismo. Companheiro em muitos momentos de tristeza e angústia, em que parece que já não há possibilidade de voltar a sorrir. Conselheiro nos dias em que as duvidas que me assaltam são tantas que parece ser impossível haver solução e ele me aconselha, me acalma, me faz pensar com clareza. Meu amparo quando preciso de um ombro amigo, quando preciso de quem me embale.
Hoje fui vê-lo. Estou triste, muito triste. Sinto-me só, sinto-me triste. Sinto que a pessoa que sou não agrada, que não interessa a ninguém. Não tenho amigos, namorado, estou muito solitária Por isso fui vê-lo. Pedir conselho. Pedir amparo. Sei que me vai ajudar, que não é imediato, mas com o tempo vai passar. Trouxe dessa visita a vontade de esquecer todos estes sentimentos e ser feliz…
Não será fácil, mas sei que ele vai lá estar sempre presente para me apoiar, para me animar…
Hoje fui ver o meu amigo o mar….

sinto-me:
tags: , ,

publicado por magnolia às 18:23
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|

Segunda-feira, 24 de Março de 2008
Sinto falta de ti...


imagem retirada da net





Sinto falta de ti...


A noite chegou de mansinho


E trouxe com ela mil desejos


Mil vontades, mil ensejos


De ternura e de carinho




Sinto falta de ti...


Chegou a hora de dormir


Deito-me na cama vazia


Estendo a mão  e sinto-a fria


Nao te vou poder sentir




Sinto falta de ti...


Os beijos que não terei


Mimos, afagos calorosos


E  abraços poderosos


Mumurios que nao ouvirei




Sinto falta de ti...


Olho em vão a almofada


Sei que continuará vazia


Nua, queda e fria


E jamais será usada




Sinto falta de ti...


Aperto-me num abraço


Enrolo-me em mim


E fico então assim


No meu próprio regaço




Sinto falta de ti...


Nunca te terei meu amor


Es parte da imaginação


De alguém com um coração


Imerso em sonhos de amor




Sinto falta de ti...



 


 



Magnolia


24-03-2008


 



publicado por magnolia às 22:39
link do post | comentar | favorito
|

Vazio....


imagem retirada da net


 


 


 


Estou tão triste, muito triste,


E só me apetece chorar,


Estou sozinha e assim irei ficar,


E tristeza  maior não existe,


 


Do que estar assim sozinha,


Horas, dias, meses, anos a fio,


Em vez de amor, ter um vazio,


Mas que triste vida a minha,


 


Tenho um aperto no peito,


Uma dor que teima em ficar,


Dentro de mim a latejar,


Esta dor que me apanhou a jeito,


 


As lágrimas que querem brotar,


Um soluço que não se desfaz,


Eu  queria tanto ser capaz,


Poder muitas lágrimas  chorar,


 


E o meu peito poder rasgar,


E arrancar este sentimento,


Apagar este pensamento,


Sem pena, se dó, sem pesar,


 


Estou tão triste, muito triste,


Porque estou assim sozinha,


Mas que triste vida a minha,


Mais triste assim não existe...














Magnolia


24-03-2008


 


 


 


 


 


 


 



publicado por magnolia às 22:20
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 21 de Março de 2008
Boa Pascoa!

tags:

publicado por magnolia às 19:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Quinta-feira, 20 de Março de 2008
Cantiga de amigo...

Magnólia, magnólia doce e querida,


Diz-me onde está a minha vida,


Onde esta o meu amor?


 





Magnólia, doce amiga conselheira,


Traz meu amor p’ra minha beira,


Onde esta o meu amor?


 


Diz-me onde está a minha vida,


Que eu ando p’r’aqui perdida,


Onde esta o meu amor?


 


Trá-lo já p’rá minha beira,


Que não tenho quem me queira,


Onde está o meu amor?


 



Perguntas-me pela tua vida,


E eu digo que não esta perdida,


Onde esta o meu amor?


 


Pedes-me p’ró trazer p’rá tua beira,


Trarei, sem agravo nem canseira,


Onde esta o meu amor?


 


E eu digo que não esta perdida


A tua ilusão mais querida


Onde esta o meu amor?


 


Trarei sem agravo nem canseira,


Teu amor p’rá tua beira,


Onde esta o meu amor?







Magnolia



 


* imagem retirada da net 



publicado por magnolia às 17:15
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Terça-feira, 18 de Março de 2008
Perdi-te avó...
Perdi ontem uma das pessoas mais importantes da minha vida: a minha querida avó..:( Eu sabia que seria dificil, mas esta a ser demais. Ela era a minha segunda mae, esteve sempre presente na minha vida, era com ela que ficava quando a minha mae ia trabalhar ate aos 10, 11 anos, era a minha madrinha, a minha maezinha duas vezes....vai ser muito dificil viver sem ela, muito mesmo...Era das pessoas mais doces e bonitas que ja conheci. Tinha 91 anos todos com muito sofrimento. Mas sem queixumes. Apesar de estar acamada ha uns anos, mesmo assim nao se queixava. Sempre a admirei e vou admirar sempre. Ate sempre...

sinto-me:

publicado por magnolia às 09:39
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|

Segunda-feira, 17 de Março de 2008
Segunda-feira..:(

O dia acordou cinzento, triste, pesado. É segunda-feira e isso nao ajuda nada. Queria ter ficado a dormir mais um pouco. Queria acordar so quando o sol brilhasse. Estou cansada, cansada do corpo e cansada da alma. Para o corpo o remedio é dormir, mas para a alma... já é mais dificil descobrir um remedio eficaz para este cansaço teimoso. O meu alivio sao dois seres maravilhosos, lindos, queridos, fantasticos, que sao os meus filhos. Se eu pudesse, passava o dia e a noite a ohar para eles, comtemplando a minha razao de existir. Mas porquê vida és tu tão dificil?!?!

 

 

 

 


sinto-me: cansada

publicado por magnolia às 09:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

...e mais ainda...
Cláudia Moreira

Cria o teu cartão de visita
Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Ideias recentes

Entrudo

Fábula

primavera

música, da boa.

poema simples

A invenção do Amor

we all do have some nost...

manhãs

poema simples

That 'cause sometimes I t...

breve história de uma árv...

O Humor dos outros.

2013 - os livros que li, ...

Feliz Ano Novo!

Porque os livros (também)...

2013 - os livros que li, ...

That 'cause I think of my...

Estes já têm lugar na min...

Quem se lembra?

2013 - os livros que li, ...

Ideias antigas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Março 2006

tags

todas as tags

links

Uploaded with ImageShack.us
A minha obra:-)
Image Hosted by ImageShack.us
By magicmagnolia
Statistic
Procuras alguma ideia em especial?
 
Quantos andarão por aqui?
web counter
Pub
Ideias em pelicula
Que horas são?


blogs SAPO
subscrever feeds